sexta-feira, 24 de maio de 2013

HAPPY HOUR COM NOSSO NOVO AMIGO (POR WIL)

Como em qualquer outra quinta feira, estávamos sem nada programado, visto não termos o costume da sair no meio da semana. A Li entrou em contato com nosso amigo por celular no final da manhã, conversaram um pouco e ele nos convidou para um encontro informal no início da noite. Só a tarde confirmamos esse encontro. Marcamos o local e depois que peguei a Li no trabalho, nos dirigimos para lá. Esperamos uns 15 minutos apenas e nosso amigo chegou, muito gentil e atencioso como sempre. A Li já estava tomando uma cerveja e eu acompanhei o amigo no whisky com água de coco. Coisa de cearense mesmo!
Papo vai, papo vem, falamos de muitos assuntos, trabalho, família etc. O tempo foi passando de forma muito agradável, a bebida já fazendo algum efeito e como consequência a conversa foi tomando outros rumos. Falamos de sexo de forma bem solta, e pra variar a Li perguntou o tamanho do pênis do nosso amigo. Já dissemos em postagens anteriores que ela não curte homens com pênis grande. Sorte minha, que não sou dotado! Bem, nosso amigo saiu pela tangente em sua resposta, hehehehehe. Mas logo a Li mataria a sua curiosidade! Infelizmente, não podemos nos dar ao luxo de ficar longe de casa até tarde no meio da semana. Era hora de irmos embora. Nos despedimos e entramos em nossos carros. Ele saiu na frente, e quando estávamos dentro do nosso carro, eu perguntei para Li se ela teve vontade de beijá-lo ao despedir-se. De pronto ela respondeu que sim. Perguntei se ela queria que eu o alcançasse e pedisse que ele parasse seu carro na estrada para que ela o beijasse, Novamente, ela disse que sim. Então sai atrás do carro do nosso amigo e quando o ultrapassei, parei e pedi que ele parasse também. A Li saiu do nosso carro e decididamente foi até a porta do carro dele e começou a beijá-lo, coloquei o meu carro ao lado para apreciar a cena mais de perto, fiquei louco de tesão, ainda mais com a possibilidade de que outras pessoas vissem aquela situação.
Ela voltou para nosso carro e continuamos o percurso, dessa vez nosso amigo ficou nos seguindo de perto e quando estávamos prestes a nos separar, ela pediu novamente para pararmos para que ela pudesse beijá-lo novamente. Assim o fiz. Dessa vez, parei o carro em uma rua paralela e desci também, queria estar bem perto daquela cena. Quando ela chegou perto, ele pegou em sua mão e colocou sobre o seu pênis para mostrar como ele tinha ficado após o primeiro beijo. Claro que ela não perdeu a oportunidade de pegar e apalpar um pouco, junto com o beijo que os dois davam. Nesse momento, ela matou a sua curiosidade. Não darei aqui detalhes a esse respeito. Eu fiquei atras dela, encostando em sua bunda gostosa, curtindo aquele momento. Um misto de ciúme e tesão, que nem eu consigo explicar. Mas não era bom ficar ali por muito tempo e tivemos que ir embora, dessa vez, nos despedimos de verdade e fomos para casa.
Quando chegamos em casa, estávamos muito excitados, mas infelizmente não rolou nada. As filhas dela ainda estavam acordadas. Como sempre fazemos, conversamos para saber se estava tudo bem um com o outro, se alguma atitude tinha sido inconveniente etc. Hoje acordamos e ficamos relembrando os fatos do dia anterior e chegamos a conclusão de que realmente o nosso amigo é a pessoa ideal para compartilhar conosco momentos de puro prazer.
Já deixamos combinado que no domingo se tudo der certo nos encontraremos novamente para curtir alguns momentos... Mas essa é outra história...

Beijos do Casal Wil e Li.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário bem sacana.